Caminhonete invade ginásio e mata ex-jogador de vôlei

Policial
Assis Chateaubriand (PR) | 05/07/2018 | 13:27

Informações: G1PR
Foto: Aline Alves/Arquivo Pessoal

O ex-jogador de vôlei e secretário de esportes de Assis Chateaubriand (PR), Elder Coutinho, 29 anos, morreu após ser atingido por uma caminhonete que invadiu um ginásio do município por volta das 8h desta quinta-feira (5). Coutinho chegava ao local para uma reunião na secretaria, que fica no ginásio. Segundo a Polícia Militar, ele estava do lado de fora quando foi atingido.

O ex-atleta teve traumatismo craniano, foi socorrido e morreu logo depois de chegar ao hospital. A PM informou ainda que o motorista da caminhonete perdeu o controle da direção em uma rotatória e, ao invés de frear, acelerou o veículo, que invadiu o ginásio.

Dois adolescentes, que aguardavam nas arquibancadas para um treino de futsal marcado para as 8h30 também foram atingidos. Eles sofreram ferimentos leves, foram levados ao hospital e liberados em seguida.

Logo após o acidente, o motorista da caminhonete deixou o local. Ele se apresentou ainda pela manhã para prestar esclarecimentos à polícia.

O secretário foi levantador do Maringá Vôlei de 2015 a 2017 e ainda passou por equipes como Rexona, Banespa Santander, Santo André, Florianópolis, Bento Vôlei e outros times do cenário nacional. Ele havia renovado contrato para disputar a Superliga de Vôlei 2018 pelo Maringá, mas desistiu para assumir a secretaria em Assis Chateanbriand em julho de 2017.

O prefeito, João Aparecido Pegoraro, decretou luto oficial de três dias no município a partir desta quinta. As atividades administrativas devem ser retomadas normalmente na segunda-feira (9).