Comunidade relata problemas de energia elétrica com conselho da Celesc em São Lourenço do Oeste

Geral
São Lourenço do Oeste | 08/08/2018 | 10:57

Autor e fotos: Angela Maria Curioletti/Portal Minutta

A Câmara Municipal de São Lourenço do Oeste e a administração municipal realizaram uma audiência pública com o Conselho de Consumidores da Celesc (Conccel), na noite de terça-feira (7), na sede do Legislativo. O encontro teve como proposta tratar sobre as constantes interrupções de energia no interior do município e demais temas ligados a energia elétrica.

Aberta a toda a comunidade, a audiência pública teve a participação de entidades de classes e de muitos moradores de comunidades do interior. Foram relatados problemas como constantes quedas de energia elétrica nas indústrias da cidade, o que acarreta em prejuízos e ociosidade das equipes de trabalho. Perdas de produção também foram relatadas por moradores do interior.

Muitas lideranças presentes no evento relataram que são cobradas constantemente em relação aos problemas de energia elétrica, cobrando soluções imediatas do Conccel e também da Celesc, que participou com alguns representantes.

Medidas

Por parte da Celesc, os representantes contaram que tem sido feito muito a parte de proteção de cabos no interior das cidades, pois 70% dos problemas na rede são causados por vegetação, principalmente eucaliptos. Em São Lourenço do Oeste, por exemplo, já foram feitos 18 quilômetros, aproximadamente.

A Celesc se comprometeu a verificar de perto alguns problemas pontuais em indústrias da cidade. Também falou a respeito das redes monofásica e trifásica no interior e repassou orientações aos agricultores. 

Conccel

O conselho é formado por pelo secretário de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico de São Lourenço do Oeste, Rubens Ricardo Mocellin, representando a Federação Catarinense de Municípios (Fecam), o presidente, Herrmann Seusenbach, representante da Facisc, o representante da Faesc, Thayrone Teixeira Tonello, da Fiesc, Amilcar Pelaez, e da Deconor, Raul Zucatto.