Michelle Bolsonaro testa positivo para coronavírus

Geral
Brasil | 30/07/2020 | 14:41

Informações: UOL
Foto: Reprodução/Internet

A primeira-dama Michelle Bolsonaro foi contaminada pelo novo coronavírus, informou nesta quinta-feira (30) a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência. O teste realizado por ela apresentou resultado positivo menos de uma semana depois de o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciar que estava curado da doença. "Michelle Bolsonaro testou positivo para Covid-19 nesta quinta-feira, 30. Ela apresenta bom estado de saúde e seguirá todos os protocolos estabelecidos. A primeira-dama está sendo acompanhada pela equipe médica da Presidência da República", informou a Secom, em nota.

Este não é o primeiro teste realizado por Michelle. Em 11 de julho, ela havia feito o exame, e o resultado foi negativo. As duas filhas, Laura e Letícia, também estavam livres da doença, na ocasião. Além do marido, cujo diagnóstico positivo para Covid-19 ocorreu em 7 de julho, Michelle teve outra pessoa da família infectada: a avó, Maria Aparecida Firmo Ferreira, que está internada desde 1º de julho em estado grave no Hospital Regional de Santa Maria, no Distrito Federal.

Ministros com Covid-19

No alto escalão do governo, cinco ministros já apresentaram resultado positivo. Na quarta (29), o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, confirmou que está com coronavírus. Em março, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o titular do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, tiveram diagnósticos positivos e se recuperaram da doença após cumprirem isolamento social. No início da semana passada, o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, também informou que estava contaminado. Já o ministro da Educação, Milton Ribeiro, anunciou há dez dias que estava infectado. Ele chegou a ficar internado por dois dias antes de receber alta na segunda-feira (27).