Onda de calor intenso em SC pode ter máximas de 40ºC

Geral
Santa Catarina | 13/01/2022 | 08:32

Informações: G1SC
Foto: Epagri/Ciram

Até esta sexta (14), os dias serão de sol e calor intenso em Santa Catarina, segundo o alerta divulgado pelo Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Epagri/Ciram).

A onda de calor deve provocar temperaturas de até 40°C, principalmente, na região Oeste e Extremo-Oeste do estado, segundo o meteorologia da Epagi/Ciram Clóvis Correa. "Essa onda de calor vai piorar a situação, já crítica, na estiagem, nas regiões Oeste e Extremo-Oeste de Santa Catarina", disse o meteorologista. A umidade relativa do ar nesta região ficará entre 30% a 40%, considerada baixa.

Um sistema de massa de ar seco no Sul do Brasil provoca a onda de calor. Os municípios do Meio-Oeste, Litoral Sul e Vale do Itajaí também vão registrar temperaturas acima de 30ºC.

Segundo o Corpo de Bombeiros, não há possibilidade de incêndios causados pelo calor no estado.

Alerta da Defesa Civil

A Defesa Civil estadual divulgou nesta quarta-feira (12) que todas as áreas de Santa Catarina estão sob observação da onda de calor. O órgão informou que as temperaturas elevadas devem agir fortemente em todo o território a partir de sexta-feira (14) até quarta-feira (19). "Pela permanência das temperaturas altas em um período estendido, configura-se uma onda de calor", informou por meio da nota.

A Defesa Civil indica que a pessoas devem manter a temperatura dos ambientes internos abaixo dos 32°C para idosos e enfermos, não deixar crianças e animais sozinhos em carros, vestir roupas folgadas e de cores claras e hidratação regular.

Estiagem

Ao menos 17 estações hidrológicas de Santa Catarina estão em situação de alerta ou emergência, segundo os dados do boletim da Epagri/Ciram, que faz o companhamento nas bacias e complexos do estado, divulgados na manhã desta quarta-feira (12).

De acordo com a tabela dos níveis, os rios Canoas, Canoinhas, Jacutinga, Itajaí-Açú, Antas, Chapecó, Peixe, Peperi-Guaçú e Tijucas estão em regime hídrico extremo.

Em situação de emergência estão estações nos municípios de Mondaí, Romelândia, Chapadão do Lageado, São João Batista, Coronel Freitas, São Carlos, Joaçaba, Tangará e Concórdia.